Preço do petróleo dispara após morte de general do Irã em ataque dos EUA

Por: William Junior, em 03 /01 /2020, ás11h55

Os contratos futuros do petróleo subiram mais de 4%, chegando a quase US$ 70 dólares o barril nesta sexta-feira (3), depois que um ataque aéreo dos Estados Unidos em Bagdá matou um dos principais chefes militares do Irã, provocando preocupações sobre a escalada das tensões regionais e a interrupção do fornecimento de petróleo.

PETROLEO

Uma hora após a divulgação da morte do general iraniano Qassem Soleimani por agências de notícias, os preços do petróleo no mercado internacional já tinham aumentado 4%.

Às 8h19 (horário de Brasília), o petróleo Brent subia 2,95 dólares, ou 4,45%, a US$ 69,2 por barril. Já o petróleo dos Estados Unidos avançava 2,62 dólares, ou 4,28%, a US$ 63,8 por barril, segundo a agência Reuters.

“Esperamos que confrontos de nível moderado a baixo durem pelo menos um mês e provavelmente fiquem limitados ao Iraque”, disse Henry Rome, analista do Irã na Eurasia.

O Iraque, o segundo maior produtor da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), exporta cerca de 3,4 milhões de barris de petróleo bruto por dia.

Acompanhe mais notícias em www.portalpindare.com.br. Siga nossa página no

Facebook.