PRF apreende caminhões carregados de madeira em Santa Inês

PRF apreende caminhões carregados de madeira em Santa Inês

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu uma carreta que transportava madeira de forma irregular em Santa Inês, cidade localizada a 250 km de São Luís. Durante uma abordagem de rotina, a PRF interceptou o veículo que trafegava de Castanhal do estado do Pará com destino ao Rio Grande do Norte.

image
Imagem ilustrativa

Dentro do veículo estava 25 metros cúbicos de madeira serrada. Os policiais constataram que a carga ultrapassava a quantidade permitida para o transporte. O excesso de carga foi só um dos motivos que levaram a Policia Rodoviária Federal a apreender o veículo.

Segundo o policial rodoviário, Paulo Carneiro, os documentos do veículo já estavam vencidos e no Documento de Origem Florestal (DOF) a variedade de madeira não estava discriminada na nota.
“O documento estava vencendo hoje. O destino dele [Motorista] era o Rio Grande do Norte. Ele não iria chegar a tempo com esse documento, com o prazo bem em cima, bem próximo ao vencimento. O perfil, corte da madeira bem divergente do que estava declarado no DOF, que é o Documento de Origem Florestal. Então, quando vem a madeira com o corte, o perfil que diverge do que está declarado no DOF isso é motivo para apreensão porque, na verdade, se trata de uma madeira ilícita”, explicou o policial.

A PRF alerta que as fiscalizações estão cada vez mais rigorosas. Do começo do ano até neste mês, já foram apreendidos mais de 15 veículos que faziam o transporte irregular de madeira. “Dia e a noite, a gente está sempre fiscalizando e não tem hora especifica pra gente fiscalizar”, finalizou o policial.

A madeira apreendida foi encaminhada para o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA). O responsável pelo carreta necessitará de uma autorização judicial para resgatar o veículo de volta.

G1 Ma

William Junior

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *