REALIZADA MISSA DE 7º DIA DA MORTE DO JOVEM ASSASSINADO EM PINDARÉ – MIRIM

Foi realizada na noite do último domingo (07/07), na Igreja Matriz de São Pedro em Pindaré – Mirim, a Missa de 7º dia da morte de Valdeilton Amorim Silva de 30 anos.

Valdeilton Amorim Silva
Com camisas com a foto do jovem, a família e amigos compareceram a missa. Foi um momento de muitas lembranças de Valdeilton, considerado por muitos como um pai trabalhador que não gostava de confusão e que foi vítima de uma bala perdida no final da festa em Pindaré – Mirim no dia 30 de junho.

O crime que chocou a cidade, ainda repercute e a família e amigos vão continuar na luta para descobrir quem efetuou o disparo que atingiu o rosto de Valdeilton Amorim Silva no final da festa do Arraial do município de Pindaré – Mirim.


Crime

Era por volta de seis horas da manhã do dia 30 de junho e Valdeilton saia do banheiro quando foi surpreendido por um homem que efetuava vários disparos contra o povo. Um dos tiros atingiu o olho do rapaz que morreu na hora.

O irmão da vítima afirma que o autor dos disparos apontou a arma pra ele e disparou, mas ao perceber que não havia mais munição parou para recarregar a arma, foi quando aproveitou para correr e salvar a sua vida, mas explicou que não viu o momento exato que o autor disparou contra o rosto do seu irmão.

Durante o seu sepultamento, ainda consternado e também revoltados com o crime, a família e amigos levaram faixas pedindo que a justiça seja feita. Eles questionam ainda o porquê do criminoso não ter sido barrado no quartel.

A Polícia Civil continua investigando o caso e diversas testemunhas foram ouvidas. Valdeilton, mais conhecido como “Bigo – Bigola” morador de Pindaré, tinha 30 anos, trabalhava no Supermercado Carcará de Santa Inês, era casado e deixa dois filhos, sendo um portador de necessidades.
Blog Portal Pindaré

desenvolvedor design

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *