SANTA INÊS E REGIÃO

Hospital Macrorregional de Santa Inês vai ganhar mais leitos de UTI, diz Secretário Carlos Lula

O Secretário de Estado da Saúde do Maranhão, Carlos Lula informou nesta quarta-feira, dia 13, em entrevista a TV Mirante, que vai ampliar o número de Leitos de UTI no Hospital Macrorregional Tomás Martins, em Santa Inês.

O Hospital Macrorregional de Santa Inês, até sexta-feira, vai se tornar exclusivo para combate a covid-19“, disse o secretário Carlos Lula.

O Secretário disse ainda que a busca será por novas Unidades de Terapia Intensiva (UTI) em cidades distantes da capital. De acordo com Carlos Lula já existe uma programação e cidades escolhidas para o aumento destes leitos.

Hoje para o combate a Covid temos 1075 leitos exclusivos para Covid-19. Esses leitos serão ampliados. A gente vai ganhar mais leitos hoje (quarta-feira) no Hospital Carlos Macieira e vamos ter mais leitos exclusivos no interior do estado. Nossa programação é para cidade de Coroatá, Santa Inês, Pinheiro, Balsas, Imperatriz, então nossos hospitais macrorregionais vão se voltar também para o interior do estado. Para que a gente tenha uma maior rede e uma maior capilaridade no combate a pandemia. A gente acredita que no domingo (17) já receberemos pacientes no hospital de campanha de São Luís e no sábado (16) no hospital de campanha de Açailândia.”, disse.

A prefeita de Santa Inês, Vianey Bringel, agradeceu o governador, Flávio Dino e o Secretário da Saúde, Carlos Lula em uma rede social.

“Agradeço ao Governador Flávio Dino e ao Secretário de Saúde Carlos Lula pela reorganização da rede de saúde da Regional de Santa Inês que determinou que o Hospital Macrorregional Tomaz Martins como referência para Covid-19 aumentando assim o número de leitos de UTI para da assistência de alta complexidade aos 13 municípios que compõem a Regional de Saúde de Santa Inês sabermos das dificuldades enfrentados por todos nós gestores , profissionais de todas as categorias envolvida diretamente e indiretamente com a COVID-19 que vai possibilitar mais assistência a nossa população.”

Os demais atendimentos do Hospital Macrorregional será transferido para o Hospital Geral de Monção.

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo
Fechar